“O Processo de Adão Pollo“ – Livro de J.M.G. Le Clésio

13 Novembro 1963

O Processo de Adão Pollo (1963), o primeiro livro de Le Clézio, garantiu-lhe sucesso imediato, tendo sido galardoado com Prémio Renaudot. Em 2008 foi laureado com o Prémio Nobel da Literatura.

Não é por mero acaso que o herói deste livro tem um nome insólito — Adão Pollo. Adão representa aqui, a um tempo, o primeiro e o último homem, aquele que a loucura, ou uma vontade estranha de tentar uma experiência extrema, isola do resto dos mortais. Mas o mundo não poderá compreender o seu comportamento.

Será ele um desertor? Um evadido de um asilo psiquiátrico?
Adão refugia-se numa casa abandonada, longe da cidade e da ordem, para ele incompreensível, que aí se vive. Por obscuras coincidências, liga-se a uma jovem que parece servir-lhe de indicativo e de réplica. Após ter franqueado as fronteiras da obcecação, desce de novo ao mundo como um profeta. É então que a sua vida se confunde com a própria Vida — animal, material e incognoscível. Transforma-se na praia onde passeia, no cão que segue, no rato que esmaga… E tudo isto o levará, fatalmente, a ser considerado louco pelos homens, cujos tabus, novo Adão infernal, pretende violar.