Nascia o Prémio Nobel da Química , Lavoslav Ruzicka

13 Setembro 1887

Lavoslav (Leopold) Stjepan Ružička  (Vukovar, 13 de Setembro de 1887 — Mammern, 26 de Setembro de 1976) foi um cientista e quimico suíço de origem croata. Recebeu oito doutouramentos de honoris causa em ciencia, medicina e direito; sete prêmios e medalhas, e 24 prêmios honorários em química, bioquimica e foi membro de sociedades científicas.

Ružička nasceu em Vukovar, Croácia, então parte do império Austro Hungaro . A sua família de artesãos e agricultores foi principalmente de origem croata, com uma bisavó checa, e uma avó e um avô da Austria.

Cursou os seus primeiros estudos em Osijek, Croácia, mudando a sua ideia inicial de tornar-se sacerdote para o estudo das matérias técnicas. Provavelmente elegeu a química porque esperava encontrar trabalho na refinaria de açúcar recentemente inaugurada em Osijek. Ingressou na Universidade de Karlsruhe onde estudou quimica orgânica e físico química sob a supervisão de Fritz Haber. Posteriormente entrou na Universidade de Basileia e lecionou em classes de química orgânica no Instituto de Tecnologia de Zurique.

Entre 1934 e 1935 descobriu que a androsterona e testosterona (hormonas masculinas) podem ser produzidos a partir de um esterol neutro, como o colesterol, o que solucionou o problema da produção sintética de hormônios.

Foi condecorado com o Nobel da Quimica de 1939, compartilhado com Adolf Butenandt , pelo seu trabalho sobre os polimetilenos e terpenos avançados.

Ružička casou-se duas vezes: a primeira vez com Anna Hausmann em 1912, e a segunda vez, em 1951, com Gertrud Acklin. Ele morreu em Mammern, Suiça, uma vila no lago de Constança.