Morre o Maestro Italiano, Arturo Toscanini

16 Janeiro 1957

Arturo Toscanini (Parma, 25 de Março de 1867 – Manhattan, 16 de Janeiro de 1957) foi um maestro italiano. Um dos mais aclamados músicos do século XIX e XX, ele foi aclamado pela sua brilhante intensidade,o seu inquieto perfeccionismo, o seu fenomenal ouvido para detalhes e sonoridade da orquestra e sua memória fotográfica.

arturo_toscanini_1

Toscanini nasceu em Parma e conquistou uma bolsa para o conservatório musical local, onde estudou violoncelo. Ingressou na orquestra de uma companhia de ópera, com a qual fez tournée para a América do Sul em 1886. Devido ao seu trabalho bastante pobre, a tal ponto que os cantores entraram em greve, o empresário da companhia é forçado a procurar um maestro substituto. O maestro Aristide Venturi foi chamado, mas não foi aceite pelo público.

il-maestro-arturo-toscanini-genio-compositore1

Então, de última hora, os músicos sugeriram que Toscanini dirigisse a orquestra. Assim, às 21:15, ele tomou a batuta e conduziu duas horas e meia de ópera apenas de memória. O público foi tomado de surpresa,num primeiro momento, pela juventude deste desconhecido maestro, e em seguida, pela sua sólida mestria. O resultado foi uma aclamação surpreendente. Toscanini conduziu dezoito óperas até o fim da temporada. Começou, assim, sua carreira de maestro, aos dezanove anos de idade.

 

Ao retornar à Itália, Toscanini voltou para a sua cadeira na secção dos violoncelos e participou como violoncelista na estreia mundial de Otello de Verdi no La Scala no ano de 1887, sob a supervisão do compositor. Gradualmente a reputação do jovem músico como um maestro começou a se firmar. Na década seguinte ele consolidou a sua carreira na Itália. Em 1896 Toscanini conduziu o seu primeiro concerto sinfónico (em Turim, com obras de Schubert, Brahms, Tchaikovsky e Wagner). Em 1898 foi o maestro residente no La Scala, permanecendo lá até 1908, voltando para este posto na década de 1920. Ele levou a Orquestra do La Scala para os Estados Unidos numa tournée em 1920/21, onde fez a a sua primeira gravação.

toscanini-al-pianoforte21-2

Toscanini morreu com 89 anos de idade, devido a um acidente vascular cerebral na sua casa, em Riverdale na Cidade de Nova Iorque no dia 16 de Janeiro de 1957. O seu corpo retornou a Itália e foi enterrado no Cemitério Monumental em Milão. NO seu testamento, ele deixou A sua batuta para a sua protegida, a soprano Herva Nelli. Toscanini foi postumamente premiado com o Grammy Lifetime Achievement Award em 1987.