Inauguração do Cristo Redentor – Brasil

12 Outubro 1931

Um dos mais importantes símbolos e pontos turísticos do Rio de Janeiro e do Brasil, o Cristo Redentor é um dos maiores e mais famosos monumentos em estilo art déco do mundo. Localizado no morro do Corcovado, a 710 metros de altitude, a estátua tem 38 metros de altura e pesa 1.145 toneladas. Foi inaugurada pelo presidente Getúlio Vargas (1882-1954) e por Pedro Ernesto (1884-1942), interventor do Distrito Federal.

transferir

Mas foi no século XIX, em 1859, que o padre Pedro Maria Boss (?-1916), capelão do Colégio Imaculada Conceição,em Botafogo, teve a ideia de erigir na capital do Império do Brasil um monumento que exaltasse a fé cristã. A obra, contudo, só começou nos anos 20, com dinheiro arrecadado junto à população em eventos desportivos, culturais e sociais, e com verbas do governo.

A autorização para a construção do monumento no morro do Corcovado foi concedida em 1º de junho de 1922 por Homero Baptista (1861-1924), ministro da Fazenda. Em Setembro, foi realizada uma cerimonia no local onde o Cristo seria construído, com a presença de várias autoridades, na terceira coluna) e, em Outubro, foi lançada a pedra fundamental da obra. No ano seguinte, teve início uma grande campanha de arrecadação de recursos para a construção do monumento . Em Setembro de 1923, as comissões já estavam formadas e O Paiz publica uma extensa matéria sobre a realização de uma semana de coleta de doações para a construção do monumento.

 

Em 1923 é publicada uma matéria noticiando que, em 22 maio de 1923, o projecto do engenheiro Heitor da Silva Costa (1873-1947) para o monumento havia sido escolhido em assembleia geral da Comissão Executiva do Monumento Nacional ao Cristo Redentor, com a presença do monsenhor Macedo Costa, representando o cardeal Arcoverde, e de Cesario Alvim, representando o ministro da Viação. Os outros concorrentes foram José Agostinho dos Reis e Adolfo Morales de Los Rios. A reportagem também conta toda a história do empreendimento. A mobilização popular em torno da construção do Cristo foi tão grande que um filme sobre o assunto, “O monumento do Christo Redemptor”, uma produção da Botelho Film, foi exibido no cinema Odeon.

transferir (1)

A concepção inicial para o monumento foi modificada: no projecto original, a figura de Jesus Cristo empunharia em sua mão direita um globo e na esquerda uma cruz. Para colaborar no trabalho, Heitor da Silva Costa escolheu um especialista em estatuária, o artista francês, de origem polaca, Paul Landowsky (1875-1961).  Silva Costa trouxe da Europa uma maquete e algumas peças do monumento . Uma exposição com os modelos de gesso das mãos do Cristo, modeladas por Landowsky, foi realizada no Corcovado.

413470aadbbdd00

No dia da inauguração, foi o físico Guglielmo Marconi (1874-1937), inventor do telégrafo, que, da Itália, ligou os refletores da estátua. Assis Chateaubriand, diretor dos Diários Associados, enviou um telegrama a ele dizendo “No instante em que iluminais o monumento de Jesus Cristo, os católicos brasileiros saúdam em vós a faísca do génio latino que descobriu e construiu o novo mundo. Segundo o site do Instituto do Património Histórico e Artístico Nacional, o Iphan, “o sistema não funcionou como o esperado, mas o Cristo foi iluminado graças à habilidade do engenheiro Gustavo Corção e sua equipe, atribui-se a Rinaldo Franco o ato de ter accionado o interruptor responsável pela iluminação”.

Recorde aqui :

estatua-liberdade

Inauguração da Estátua da Liberdade nos USA

0,,14414528-EXH,00

“Jesus Cristo“ – Roberto Carlos