Em 1966 era eleita a Mulher ideal Portuguesa

16 Julho 1966

O Clube das Donas de casa elege a Mulher Ideal Portuguesa de 1966, numa cerimónia realizada no Restaurante Folclore.

11280581664_3cbaa4f1c6_o

A concorrente Magda Carol Magalhães Abre foi eleita por unanimidade por um júri que incluía Maria Isabel de Sousa, directora do clube e da revista Donas de casa; a perita em decoração Helena Correia de Barros; e Leonel Coelho, director do restaurante. Magda ia representar Portugal na disputa do título Mulher Ideal Europeia de 1966, em Itália.

11280581234_b88e8b95eb_o