Em 1502 nascia o historiador , Damião de Góis

2  Fevereiro 1502

Importante personalidade do Renascimento, Damião de Góis nasceu em  Alenquer  a 2 de Fevereiro de 1502 e   morreu a 30 de Janeiro de 1574, também em Alenquer.

Historiador e humanista português descendia de uma família nobre, o seu pai era almoxarife.

damião goes caminhos

Após a morte do pai, passou 10 anos da sua infância na corte de D. Manuel Icomo moço de câmara.

  1. João IIIcolocou-o em 1523, como secretário da feitoria portuguesa de Antuérpia. Depois de várias missões   diplomáticas, em 1533 abandona este serviço e dedica-se ao que lhe interessa verdadeiramente: os seus ideais humanistas. Foi um grande amigo de outro grande humanista: Erasmo de Roterdão.

Estudou em Pádua entre 1534 e 1538, tendo-se fixado em Lovaina durante seis anos. Durante a invasão francesa da Flandres, Damião de Góis foi feito prisioneiro, posteriormente libertado graças à acção de D. João III que o trouxe para Portugal. Foi nomeado guarda-mor dos arquivos reais da torre do tombo. Devido ao seu trabalho e aquilo que escrevia acabou por ter problemas com a Inquisição.

3o_de_Gois_-_Panorama_1837

Escreveu varias obras em latim tais como Commentarii Rerum Gestarum In Inda. Citra Gangem A Lusitanis Anno (1538) Fides. Religio. moresque Aethiopium(1540) Aliquot Opuscula (1544) Lovaniensis Obsidio (1546) De Bello Cambaico Ultimo.

Foi abandonado pela família e apareceu morto na sua casa em Alenquer suspeitando-se de assassinato. Está sepultado na igreja de santa Maria da Várzea em Alenquer.