Morre Jaqueline Kennedy Onassis

19 de Maio 1994

Jacqueline Lee Bouvier Kennedy Onassis, 64 anos, morreu de um cancro linfático, foi sepultada em Washington, no cemitério onde está o seu primeiro marido, o presidente Kennedy.

jacqueline-kennedy-onassis-9428644-2-raw

Jacqueline Lee Bouvier Kennedy Onassis foi velada durante todo o dia por familiares e amigos no seu apartamento em Manhattan.
A família revelou no final da tarde que a primeira-dama seria enterrada no Cemitério Nacional de Arlington, em Washington.
O enterro aconteceu na tarde de segunda-feira. Antes, foi realizada uma missa privada na igreja St. Ignatius Loyola na Park Avenue, em Manhattan, ás 10h.
Em Arlington estão enterrados o seu primeiro marido, o presidente John Fitzgerald Kennedy, e o terceiro filho do casal, Patrick, que morreu dois dias depois de nascer em 1963.

jacqueline-kennedy-2014-hero-E
Nessa manha John F. Kennedy Jr., 33, filho de Jacqueline Onassis, deu uma rápida entrevista na porta do prédio na 5ª Avenida. Ele não revelou qualquer informação sobre o funeral.
“Minha mãe morreu cercada pelos seus amigos, pela sua família, pelos livros, coisas e pessoas que amava. E o fez a seu modo, de acordo com a sua vontade e agora ela está nas mãos de Deus”, disse Kennedy Jr.
Jacqueline Onassis morreu às 22h15 (hora local) vítima de complicações do cancro no sistema linfático.
No final de fevereiro ela anunciou que sofria desta terrível doença depois de aumentarem as especulações sobre a sua saúde.
Jacqueline Onassis já teria desenvolvido uma forte pneumonia nos dois últimos dias e o cancro teria afectado o seu fígado.

620-jackie-kennedy-onassis-john-funeral-arlington-cemetery
A primeria-dama americana ficou internada esta semana por três dias no New York Hospital-Cornell Medical Center.
Na quarta-feira, pediu para ser levada para casa depois dos médicos terem dito que não podiam fazer mais nada pela sua saúde. Ela teria parado de tomar a medicação dois dias antes de morrer.
Nancy Tuckerman, amiga e porta-voz de Jacqueline Onassis, disse que a primeira-dama entrou em coma minutos antes de morrer e que os seus dois filhos, John Kennedy Jr. e Caroline Kennedy Schlossberg, 36, permaneceram ao seu lado “até o fim”.
Dezenas de pessoas ocupavam os passeios dos dois lados da rua.
Curiosos acendiam velas e depositavam flores na porta do prédio em homenagem à pessoa que o prefeito de Nova York, Rudolph Giuliani, qualificou como a “mais digna cidadã de Nova York”.
Ela nasceu em Southampton, em Long Island (ao norte de NY) e mudou-se para Manhattan ainda criança. Viveu em Nova York quase a metade de sua vida.
O pai, John Verou Bouvier, fez fortuna em Wall Street e a mãe, Janet Lee, pertencia a uma tradicional família de Manhattan.

jfk-40th-anniversary