Incêndio em Supermercado mata 464 pessoas

1 de Agosto  2004

O Paraguai amanheceu neste primeiro dia de Agosto comovido pelo incêndio de um supermercado em Assunção que deixou mais de 400 mortos e cerca de 200 feridos.

Super_Ycuá_Bolaños_01_08_2005

O fogo, originado na manhã de domingo no restaurante de um dos supermercados da rede Ikuá Bolaños, causou a maior tragédia da história do país pela decisão de fechar as portas de entrada para evitar assaltos.

O incêndio no supermercado, que não dispunha de saídas de emergência provocou o pânico em centenas de pessoas, algumas em estado crítico, foram levadas a hospitais da capital paraguaia, onde muitas delas morreram.

Dez horas depois do início do incêndio, as equipas de socorro continuavam a retirar corpos do seu interior.

PARAGUAY SUPERMARKET FIRE ANNIVERSARY

O capitão dos bombeiros, Hugo Onieva, declarou que a tragédia poderia ter sido evitada se as saídas não tivessem sido bloqueadas.

A Procuradoria paraguaia ordenou a detenção do proprietário do hipermercado, Juan Pío Pavía, por suspeita de homicídio por negligencia, além de outros delitos puníveis pela lei paraguaia.
71559004