1875 – Nascia o Compositor Maurice Ravel

7 de Março  1875

Filho de engenheiro mecânico, Maurice Ravel nasceu numa cidade próxima ao País Basco, mas bem cedo se mudou com a família para Paris.

Com professores particulares, estudou piano (a partir dos sete anos) e depois composição. Em 1889, ingressou no Conservatório de Paris, onde teve aulas de piano com Charles de Bériot e de composição com Gabriel Fauré.

Ravel tentou ganhar o Prémio de Roma quatro vezes, mas os arrojos de sua composição não foram reconhecidos pela academia.

Maurice Ravel (1875-1937), French composer. LIP-16

Em 1901, compôs a “Pavana Para uma Infanta Defunta”, uma de suas obras mais conhecidas. “Sherazade” é de 1903, e a “Rapsódia Espanhola”, de 1907. No mesmo período, Ravel criou muitas outras obras, sobretudo para piano.
Dois anos depois, juntamente com outros músicos que freqüentavam o curso de Fauré, fundou a Sociedade Musical Independente, em oposição à Sociedade Nacional de Música. A sua primeira obra orquestral, o ballet “Daphnis e Chloé”, para ser encenado por Diaghilev, foi composta em 1912.
Com a eclosão da Primeira Guerra Mundial, em 1914, Ravel tentou alistar-se na aviação militar, mas foi rejeitado. No ano seguinte, conseguiu um posto de motorista do Exército.
Ainda durante a guerra, com o falecimento da mãe (1917), voltou para Paris.

Nos anos 20, Ravel já era compositor reconhecido e realizou inúmeras tournées pela Europa. Em 1928, apresentou-se nos EUA, onde conheceu personalidades do cinema e da música, entre as quais o compositor Ira Gershwin. No mesmo ano, recebeu o título de doutor “honoris causa” pela Universidade de Oxford (Inglaterra).
Também em 1928, compôs o famoso “Bolero”, que de início era uma composição para ballet. Em 1931, criou o “Concerto Para Mão Esquerda”, destinado a Paul Wittgenstein, pianista que perdera a mão direita durante a guerra.
Em 1932, Ravel começou a ser afectado por uma doença neurológica que lhe consumiria gradualmente as forças. Alternando períodos de lucidez com ausências provocadas pela doença, receberia nos últimos anos apenas a visita dos amigos mais íntimos. Morreu aos 62 anos.

9419487950_0114a1aab8_b

maxresdefault

Ravel_Gershwin_Leide-Tedesco002