Lançamento da sonda espacial “Stardust”

7 de Fevereiro 1999

Stardust é uma sonda espacial da NASA que foi lançada em 1999 e retornou à Terra em 2006.

No dia 7 de Fevereiro de 1999, foi lançado a partir do Cabo Canaveral o foguete Delta II, que levou ao espaço a sonda Stardust com o objectivo de investigar o cometa Wilde o asteróide Annefrank, além de recolher poeira interestelar que foi descoberta passando pelo Sistema Solar em direcção da constelação de Sagitário.

Cassini_Saturn_Orbit_Insertion

O cronograma da Stardust foi definido a partir do seu lançamento em Fevereiro de 1999, passando pelas manobras com o auxílio da força gravitacional da Terra em Janeiro de 2001, o encontro com o cometa Annefrank em Novembro de 2002, o encontro com o cometa Wild 2 em Janeiro de 2004 e o retorno à Terra em Janeiro de 2006. Como a sonda utiliza pouca energia interna, as manobras são praticamente todas baseadas em acções da gravidade. Para alcançar seus objectivos, a sonda realizou três voltas em torno do Sol ao longo de sete anos no espaço.

A trajectória da Stardust foi optimizada para atingir quatro objectivos: interceptar o cometa Wild 2 com a menor velocidade possível, maximizar o tempo para colectar a  poeira interestrelar, minimizar a quantidade de energia para escapar da gravidade da Terra e retornar à Terra com a velocidade mais baixa possível.

A Stardust foi produzida com alta tecnologia pela NASA para executar a primeira missão de investigação de cometas. Na sua parte dianteira havia um conjunto de três escudos destinados a proteger a mesma dos impactos com as partículas do cometa. Dois deles protegiam os painéis solares e o outro protegia o corpo principal da Stardust. Na parte traseira havia uma cápsula responsável pela recolha do material desejado. Para captura das amostras, a sonda utilizou uma substância chamada de aerogel para manter a integridade da amostra.

earth_sc_l

A sonda fazia uso ainda de quatro equipamentos. O Dust Flux Monitor Instrument que servia para contagem de partículas. A Navigation Camera era utilizada para orientar na navegação da Stardust e também para tirar fotos do cometa com imagens de alta resolução de seu núcleo. O Comentary and Interstellar Dust Analyzer obtinha a composição química das partículas. Já a Sample Return Capsule consistia em um sistema de navegação e pequeno pára-quedas.

stardust_spacecraft_hr

Artist's Concept of Voyager