“O dia em que a Música morreu “

3 de Fevereiro 1959

Em 3 de Fevereiro de 1959, um avião de pequeno porte caiu próximo de Clear Lake, Iowa, matando três músicos Norte Americanos de Rock & Roll: Buddy Holly,Ritchie Valens e J.P.”The Big Bopper” Richardson assim como o piloto Roger Peterson. Este dia seria definido posteriormente por Don McLean numa canção, “American Pie” como “o dia em que a música morreu”

Buddy Holly's Plane Crash

Os músicos participavam na tournée “The Winter Dance Party”, projetada para cobrir vinte e quatro cidades do centro oeste dos USA em apenas três semanas, de 23 de janeiro a 15 de Fevereiro de 1959. Um dos problemas logísticos era o tempo gasto durante as viagens, pois a distância entre os locais dos concertos não foi considerado quando cada um deles foi agendado. Outro era o autocarro usado para transportar os músicos, não preparado para enfrentar o inverno. O seu sistema de aquecimento avariou pouco depois do início da tournée.

The Surf Ballroom em Clear Lake, Iowa, não estava agendado para ser a próxima paragem da tournée, mas os seus organizadores, esperando incluir mais datas, entraram em contacto com Carroll Anderson, gerente do local, que aceitou a proposta. O show foi marcado para umasegunda feira, 2 de Fevereiro.

Ao chegar no local, Buddy Holly, frustrado com o autocarro de viagem, disse aos seus colegas de banda que, terminado o show, ele tentaria alugar um avião para alcançar o próximo local, a cidade de Moorhead no Minnesota.

12336377852523

O avião descolou por volta das 00:55 (hora local). Pouco depois da 01:00 da manhã, Hubert Dwyer, dono da aeronave, observando da torre de controle, viu a luz da cauda do avião descer gradualmente até desaparecer de vista.

Às 3:30 da manhã, quando o Aeroporto Hector em Fargo, Dakota do Norte , informou não ter recebido qualquer sinal do avião, Dwyer contactou as autoridades e declarou a aeronave como desaparecida.

Por volta das 09:15 da manhã, Dwyer descolou com outro avião de pequeno porte para seguir a rota planeada. Pouco tempo depois, ele visualizou os destroços do avião em causa numa plantação de milho  situada oito quilômetros a noroeste do aeroporto.

A aeronave estava num ângulo levemente descendente e inclinada para a direita quando atingiu o solo a 270 quilômetros por hora. Capotou e derrapou por mais 170 metros na paisagem congelada antes que a massa retorcida de ferragens batesse contra uma cerca de arame farpado . Os corpos de Holly e Valens caíram próximos ao avião, Richardson foi arremessado através da cerca enquanto Peterson ficou preso à cabine. Carroll Anderson, o gerente do Surf Ballroom que levara os músicos ao aeroporto da cidade vizinha e presenciara a decolagem do avião, foi o primeiro a identificar as vítimas.

Autópsias posteriores indicaram que todos os quatro morreram instantaneamente com o impacto.

Investigações concluíram que o acidente foi provocado por uma combinação de mau tempo e erro humano.

The-Day-The-Music-Died-Trio-with-Names

HollyMonument