1913 – Nascia a actriz Vivien Leigh

5 de Novembro 1913

Vivien Leigh é lembrada até hoje por ter dado vida a uma das personagens mais marcantes das história do cinema: Scarlett O’Hara, do clássico …E tudo o Vento Levou.

Vivien nasceu na Índia em 5 de novembro de 1913, seu nome de batismo era Vivian Mary Hartley. Em 1920, foi estudar em um convento em Londres onde foi uma excelente aluna, inclusive se destacava nas aulas de teatro. De 1927 a 1932, voltou a morar com os pais.

Quando terminou seus estudos, matriculou-se na Royal Academy of Dramatic Art.

Ao término do curso participou do filme Things are Looking Up e assumiu o papel principal numa peça baseada na obra de Diderot (escritor e filósofo).

Com o sucesso da peça, ela foi contratada por cinco anos pelo produtor de cinema Alexandre Korda. Com o contrato, ela modificou seu nome: tirou o “a” e acrescentou “e” tornando-se Vivien Leigh.

O sobrenome Leigh veio do casamento com o advogado Herbert Leigh Holman e dessa união nasceu uma filha : Suzanne.

Vivien Leigh estava fazendo muito sucesso e isso chamou a atenção de Laurence Olivier, considerado na época (e provavelmente até hoje) o maior actor britânico que já existiu.

Em 1936, os dois actuaram em Fogo sobre a Inglaterra e se tornaram amantes. Ela abandonou seu marido e sua filha Suzanne (que foi deixada aos cuidados da avó) e foi morar com ele.

Em 1939, Vivien foi para Hollywood tentar o papel de Scarlett O’Hara e concorreu com artistas de peso como Bette Davis e Katherine Hepburn. Saiu vencedora e sua impecável interpretação no clássico …E tudo o Vento Levou fez com que ela ganhasse o Óscar de Melhor Actriz.

Em 1940, ela se divorciou de Herbet Leigh, mas ele ficou com a guarda da filha.

Após o divórcio ela se casou com Olivier e os dois se tornaram o casal mais popular da Inglaterra.

Filmes desta época

* …E  tudo o Vento Levou (1938) , * Guide Dogs for the Blind (1939), * A Ponte de Waterloo (1940) , * Lady Hamilton – A Divina Dama (1941)

Em 1944, Vivien é diagnosticada com tuberculose e após um período de recuperação voltou aos cinemas e fez:

* Anna Karenina (1948) , * Um eléctrico Chamado Desejo (1951). Por este filme Vivien Leigh ganhou o seu segundo Óscar de Melhor Actriz.

Nos anos que se seguiram, ela se dedicou a cuidar de sua doença, que a havia transformado numa mulher fraca. O seu casamento também foi afectado, seu marido começou a sentir somente pena da esposa e iniciou um romance com uma comediante.

Em 1960, ele e Vivien se divorciaram após 20 anos de casamento. Quatro anos depois, ela voltou à Índia para ver a filha.

Alem do Óscar, Vivien ganhou vários prémios: BAFTA ,* Volpi Cup ,* Tony Awards ,* Sant Jordi Awards , * Festival de Veneza ,* Prémio dos Críticos de Nova York

  • Curiosidades
  • Fumava demais
    * Diziam que ela não suportava as cenas de beijo com Clark Gable por ele ter mau hálito

Morreu em Julho de 1967 de tuberculose.

maxresdefault

041-vivien-leigh-theredlist

Ana-Passos-Joias-Oscar-1940-Vivien-Leigh

Annex - Leigh, Vivien_NRFPT_07

caesar-cleopatra-61

Vivien Leigh. Restored by Nick & jane for Doctor Macro's High Quality Movie Scans website: http://www.doctormacro.com. Enjoy!

VIVIANLEEANDLAURNCE

Vivien_Leigh_Book_Pic1

Vivien Leigh Scarlett O'Hara Gone with the Wind 1939