A Invenção do “Skate “

14 de Julho 1963

No final da década de 1950, na Califórnia, nos Estados Unidos, surfistas cansados de esperarem por ondas boas decidiram criar algo similar com o surf, porém, sem a utilização da água.

Foi então que estes surfistas decidiram pegar nas rodinhas dos patins e colocaram numa madeira rectangular que tinha um formato parecido com uma prancha.

No início, o Desporto era chamado “sidewalk surfing (surf de rua) “e em pouco tempo espalhou se por todo os Estados Unidos.

A partir de 1963, como este Desporto era bastante praticado e a ter as suas próprias manobras e estilos, o nome mudava para Skateboarding, ou apenas skate, como todos nós o conhecemos actualmente.

Os primeiros skates começavam a ser comercializados e a responsável pela fabricação era a “Roller Derby”. Junto com a Roller Derby, a Makaha entrou no mercado do skate e foi a primeira a produzir os “shapes” em formato de pequenas pranchas de surf e com novo design.

No ano de 1963, além da oficialização do desporto como skateboarding, foi realizada a primeira competição desta modalidade. O campeonato ocorreu na cidade de Hermosa Beach, na Califórnia, nos Estados Unidos e foi vencido por Larry Stevenson . Após esta competição, nos três anos seguintes, foram vendidos mais de 50 milhões de skates em todo o mundo.

Apenas para destacar, Larry Stevenson foi o fundador da marca Makaha, juntamente com a sua esposa. Os dois produziam os skates manualmente na garagem de sua casa.

Foi na década de 1970 que o skate deu o seu grande salto. Primeiro os praticantes descobriram que nas piscinas que ficaram vazias devido a seca que atingiu a Califórnia, dava para se divertirem andando de skate nas paredes das mesmas, lembravam as ondas do surf. Em segundo, era inventada em 1974, a roda de poliuterano (antes as rodinhas eram feitas de ferro e mais tarde de baquelite, um tipo de plástico duro). Começava então a revolução no skate.

early_skateboards_2

il_fullxfull.218024186

maxresdefault

FOTO2213-Edit