Assinala se a morte de Napoleão Bonaparte

5 de Maio 1821

morte de Napoleão aconteceu no dia 5 de Maio de 1821 em Longwood na Ilha de Sta. Helena quando ele tinha 51 anos. Ele está sepultado no Hotel des Invalides em Paris.

Imperador da França de 1804 a 1815. Um dos maiores mitos da França de todos os tempos, Napoleão Bonaparte escreveu o seu nome na história pelas conquistas que realizou. Durante quase dez anos (de 18 de maio de 1804 a 6 de abril de 1814), foi o imperador da França, adoptando o nome de Napoleão 1º. No entanto, a sua subida ao poder aconteceu bem antes: em 1799. Além disso, conquistou e governou grande parte da Europa central e ocidental. Os seus biógrafos têm uma explicação para o sucesso militar empreendido por Napoleão: o seu talento de estrategista, a sua facilidade para empolgar soldados com promessas de glória e riqueza e o seu grande espírito de liderança.

Com uma violenta tempestade assolando a ilha, Napoleão morreu, segundo a opinião do médico que o assistiu, não de um câncer no estômago, como seu pai, mas de uma úlcera provocada por uma má dieta e, sobretudo, pela ansiedade. Existindo controvérsias quanto a causa da morte, que teria sido ele assassinado por envenenamento.

Há uma lenda que diz que Napoleão foi enterrado sem o pénis, que teria sido amputado horas depois de sua morte. Depois de 170 anos a relíquia teria aparecido nos Estados Unidos, guardada por John Lattimer, professor de Urologia da Universidade de Colúmbia, em Nova Iorque.

A amputação teria sido feita pelo médico francês Francesco Antommarchi, despachado para Santa Helena para cuidar da úlcera de estômago que acabou por matar Napoleão. Antommarchi, um anatomista que pouco entendia de doenças, irritou o intempestivo corso, que o recebia a cusparadas e insultos. “Foi a vingança do médico”, disse Lattimer.

Embora seja provável, não está provado que tenha sido o médico que fez a autópsia, Dr. Francesco Antommarchi, a subtrair o órgão genital de Napoleão. Na sala estavam presentes dezassete testemunhas, sete médicos ingleses, duas criadas de Napoleão, um padre de nome Vignali e ainda um servo árabe de nome Ali. Haveria, portanto, 29 suspeitos.

Embora os rumores persistam até os dias de hoje, a tal amputação nunca foi comprovada.

NB-with-cape-on-horse-long

O quarto onde morreu Napoleão.

O quarto onde morreu Napoleão.

A ilha de Sta. Helena onde estava deportado

A ilha de Sta. Helena onde estava deportado

Jean_Auguste_Dominique_Ingres_016

napoleao_ivan

Tumba_de_Napoleon_Bonaparte